To top

A maior casa do mundo

A maior casa do mundo


Leo Lionni
36 Pág. 22 x 27,5 cm.
ISBN: 978-989-8205-07-0
Preço: 15.00

Adicionar ao cestoAdicionar ao cesto PDF
Uma grande casa de caracol semelhante a uma catedral, vistosa como um bolo de aniversário, redonda como um circo... Mas não será difícil de transportar?
10 patinhos de borracha<h5>ed. cartonado</h5>

10 patinhos de borracha
ed. cartonado


Eric Carle
34 Pág. 12,5 x 18 cm.
ISBN: 978-989-749-099-6
Preço: 10.50

Adicionar ao cestoAdicionar ao cesto
A história dos patinhos e outros bonecos de borracha à deriva pelos oceanos foi notícia no mundo inteiro. Eric Carle transformou-a numa história perfeita para brincar com os números, com as distâncias e também com os animais marinhos.
A aranha muito ocupada<h5>ed. cartonado</h5>

A aranha muito ocupada
ed. cartonado


Eric Carle
26 Pág. 18 x 12,5 cm.
ISBN: 978-989-749-097-2
Preço: 10.00

Adicionar ao cestoAdicionar ao cesto
O cavalo, a vaca, a ovelha... os animais da quinta bem que tentam convencer a aranha para vir com eles passear, comer ou correr... Ela, porém, estava mais ocupada a tecer a sua teia. Cartonado e com a textura do fio de seda para acompanhar a leitura visual com o sentido do tato.
INVENTARIO ILUSTRADO DOS DINOSSAUROS
Fascinantes criaturas que habitaram a Terra há 66 milhões de anos - entre o Triássico, o Jurássico e o Cretáceo - surgem neste livro até onde a paleontologia pôde estudar os seus fósseis. Estão aqui as últimas descobertas de quase meia centena destes répteis primitivos.
Clementine

Clementine


Roberto Innocenti
40 Pág. 23 x 28 cm.
ISBN: 978-989-749-096-5
Preço: 19.00

Adicionar ao cestoAdicionar ao cesto
Cinquenta anos a sulcar os mares em tempos de paz e de guerra, entre calmaria e tempestade. A história de Clementine e da vida do seu capitão, vibrantes rastos de espuma plasmados com grande realismo.
Texto: [Amy Novesky]
Dez dedos nas mãos e dez dedos nos pés
Do ártico ao deserto, em qualquer continente, cidade ou tribo, todos os bebés nascem com dez dedos nas mãos e dez dedos nos pés. Ternura rimada, repetitiva e acumulativa para viajar pelo mundo em modo de diversidade e de igualdade.

Anterior |

1 |

2 |

|